Acne

O que é?

A acne é uma doença bastante comum e muito freqüente na adolescência. A incidência varia de 30% a 60% com pico entre 14 e 19 anos. No geral, todo adolescente desenvolve acne em algum grau (mesmo leve) e, no geral, há uma melhora entre 18 e 25 anos. Entretanto alguns pacientes podem manter lesões na vida adulta.

Causas

São 3 os fatores que contribuem para o surgimento da acne:

  • Superprodução de óleo (sebum)
  • Eliminação irregular de células do folículo
  • Crescimento de bactérias com inflamação A acne ocorre quando os folículos pilossebáceos se tornam obstruídos por secreção sebácea e células mortas. Cada folículo é conectado a glândulas sebáceas que liberam uma secreção conhecida como sebum para lubrificar o pêlo e a pele. Essas glândulas se desenvolvem muito na puberdade, por estímulo dos hormônios sexuais. Elas se distribuem na face, tronco e dorso e produzem gordura, que é eliminada através dos poros. Quando o organismo produz uma quantidade em excesso de sebum e células mortas, pode ocorrer a obstrução do poro. Quando bactérias contaminam esta secreção, principalmente o Propionibacterium acnes, ocorre inflamação e surge a acne.

Outros fatores podem alterar a produção de sebum incluindo alterações hormonais, presença de outras bactérias, certas medicações, hereditariedade e stress.

Sinais e Sintomas

A acne normalmente aparece na face e porção superior do tronco, onde a concentração de glândulas sebáceas é maior. Pode apresentar:

  • Comedões fechados
  • Comedões abertos
  • Espinhas
  • Nódulos
  • Cistos

Quando procurar um médico

A acne deve ser tratada mesmo nas suas formas mais leves para evitar manchas e cicatrizes no futuro. Evite a auto-medicação e não arranhe, nem cutuque as lesões.

Tratamento

O tratamento de acne é prolongado e os resultados só começam a ser visíveis em 6 a 8 semanas. O dermatologista pode recomendar a associação de mais de um produto para o seu tratamento, de acordo com o grau de severidade da acne. Podem ser indicados sabonetes, loções ou géis para uso tópico (aplicação local), antibióticos tópicos ou via oral. Se o quadro de acne tiver piora com o período menstrual, o uso de contraceptivo oral pode ser recomendado.
Se o quadro de acne for muito severo, o dermatologista vai orientar medicação mais potente para um bom controle do quadro.

Cuidados

  • Lavar as áreas com um sabonete suave e água fria. Evite o uso de sabonetes esfoliantes faciais, adstringentes e máscaras. A lavagem e esfoliação em excesso também podem irritar a pele.
  • Evitar cosméticos e protetores solares oleosos, produtos para modelar cabelos ou cosméticos para esconder a acne. Use produtos em gel, não comedogênicos ou oil-free.
  • Não furar e nem espremer as espinhas, isso poderia causar uma piora da infecção, provocando manchas ou cicatrizes.
  • Use protetor solar em gel ou oil-free. A exposição ao sol agrava as manchas. O dermatologista também poderá recomendar Peeling superficial para atenuar o quadro de acne ou manchas. Limpeza de pele, feita por profissionais também pode ajudar na evolução do quadro.